Veja todos os posts da categoria

Conhecendo a Amazônia

Conhecendo a Amazônia ~ Viagens

Conhecendo a Amazônia #6: Novo Airão – AM

19 de fevereiro de 2015
Novo-Airão_Capa

Conheça a Amaônia. O que fazer em Manaus? Fim de semana em Manaus. Nadar com os botos. Praia do Tupé. Ruinas de Paricatuba. Lancha no Rio Negro. Conheça tudo sobre Manaus. O que fazer em Manaus? Onde ir em Manaus? Blog Kátia Glaísa. Blog de Moda em Manaus. Conheça! :)

Ai, como eu adoro conhecer os lugares da minha linda região Amazônica! <3 Sempre que posso, dou uma fugidinha da rotina e vou por aí conhecer. 😀

Nesse fim de semana, fui a Novo Airão, uma cidade a mais ou menos 190km de Manaus que é cercada pelo Rio Negro na sua margem direita. Por isso, é possível termos acesso a uma praia e também ver os botos cor-de-rosa com facilidade, além de outras espécies. A cidade também é conhecida pela famosa Festa do Peixe-Boi, espécie também muito famosa da região.

Na estrada de Iranduba

Na estrada de Iranduba

Placa de Sinalização de Novo Airão no Amazonas

Na entrada da estrada de Novo Airão.

Entrada de Novo Airão

Na entrada de Novo Airão

Nossa aventura começou de manhã, umas 9h, quando saímos de Manaus e pegamos a estrada. Chegamos por volta de meio dia em Novo Airão e fomos logo marcar nossa visita no Flutuante do Boto Cor-de-Rosa, uma atração muito famosa para quem visita a cidade. Apesar de não estar muito cheio, pegamos a visitação das 16h, a penúltima do dia, visto que vai até as 17h. Para ficar bem pertinho dos botinhos, temos que pagar a entrada equivalente a R$ 15 reais por pessoa. Dá direito a tocar e tirar fotos. Temos que ter um certo cuidado quando uma ‘bota’ chamada “Dani” está por perto. Segundo as moças que trabalham lá, ela costuma morder as pessoas, como forma de carinho, mas são mordidas que machucam bastante. Por isso, não aconselham ninguém a descer na água quando a Dani está por perto. Todos os botos têm seus nomes, mas infelizmente eu só lembro de dois: Dani e o Reginaldo. hehe

Flutuante do Boto em Novo Airão

Flutuante do Boto em Novo Airão

Horários de visitação Botos Novo Airão

Horários de visitação aos Botos de Novo Airão

Passeios de barco Anavilhanas

Passeios de barco para Anavilhanas

Enquanto o nosso horário não chegava, fomos procurar a Associação local para fazermos passeio de lancha e conhecer Anavilhanas, um lugar que eu queria muito visitar. O sol esta “de rachar” e o temperatura muito alta!

Parque Nacional de Anavilhanas é uma área federal de proteção integral que engloba um dos maiores arquipélagos fluviais do mundo, com mais de 400 ilhas, centenas de lagos, rios afluentes e igarapés. Um lugar lindo que vale a pena visitar.

Fomos agora em fevereiro, época da cheia do rio, então perdemos as praias e as ilhas que agora já estão totalmente submersas, mas ainda assim fizemos o passeio e foi ótimo! Pena que no meio dele, um toró (chuva muito grossa) caiu e não deu para curtir o resto do passeio. Ainda assim, foi ótimo!!

Passeio-de-Lancha-Anavilhanas-em-Novo-AirãoAnavilhanas Anavilhanas Anavilhanas

Como mencionei, fomos até a área de passeios da Associação local e fizemos o que passeava pela Ilhas, uma área restrita de terras alagadas e pela Praia do Meio (uma das mais bonitas), que infelizmente já estava embaixo d’água. O passeio custa R$80 reais e leva até 4 pessoas. O passeio é exclusivo e a lancha leva só você e sua família de até 4 pessoas. Achei o preço agradável. O seu Sabá, um senhor muito alegre e divertido, nos levou na lancha dele e contou muitas histórias sobre o local, as pessoas e as belezas da região. Nosso passeio não seria o mesmo sem a presença dele… Indico para quem for lá fazer o passeio com o seu Sabá. Um amorzinho de pessoa! <3

Seu Sabá. Passeio Anavilhanas em Novo Airão.

Seu Sabá. Passeio Anavilhanas em Novo Airão.

Quando voltamos do passeio de lancha, já estava quase na hora da nossa visita no Flutu dos Botos! Yey! <3

Boto-de-Novo-Airão

Boto lindinho recebendo carinho.

Video-Boto-Amazonia

Cena cortada do vídeo que vai ao ar em breve! 😀

Video-Boto-Amazonia

Cena cortada do vídeo que vai ao ar em breve! 😀

Video-Boto-Amazonia

Cena cortada do vídeo que vai ao ar em breve! 😀

♥ VÍDEO! ♥

Espero muito que vocês tenham gostado de conhecer mais um lugarzinho do meu estado e da região Amazônica. <3

Beijos!

Novo Airão

Big Beijos, beijados, borrados de batom. 😛

~ ♥ Se você gostou desse post, deixe um comentário! ♥ ~

Você também pode gostar...

Conhecendo a Amazônia ~ Destaque ~ Dicas

Top 5: Cinco coisas para fazer em Manaus

8 de fevereiro de 2015
5 coisas para fazer em Manaus.

Vivo orgulhosamente em Manaus, no estado do Amazonas, desde meus 14 anos. Aqui é um lugar muito bom, onde estudei,  me estabeleci profissionalmente e pude amadurecer em todos os sentidos.

Como uma boa Manauara naturalizada, acho que posso dar boas dicas para você: turista que está querendo conhecer essa cidade linda, ou também você que é daqui mas que ainda não teve oportunidade de conhecer as belezas da nossa terra.

PARA TURISTAS: Chegando no Aeroporto de Manaus 

Antes de tudo, turista, acredito eu que você chegará em Manaus de avião e conhecerá o Aeroporto Internacional Eduardo Gomes que está situado a 14 km do centro de Manaus. Para sair do aeroporto e ir a todos os pontos da cidade, o meio mais prático é o taxi. Os preços são tabelados e, da ultima vez que pesquisei para fazer esse post, o valor era R$55 reais.

Cinco coisas para fazer em Manaus

Antes de começar a conhecer os locais, vista uma roupa confortável, não descole da sua garrafinha de água gelada, passe bastante protetor solar e, de preferência, leve um chapéu de sol e óculos escuros. Aqui tem épocas de calor intenso e é sempre bom cuidarmos da nossa saúde enquanto conhecemos lugares lindo, ne?! 😉

1) Inicie a manhã com um delicioso Café Regional

O que fazer em Manaus

O dia começa com um delicioso café regional. Muito famosos, eles são o point, principalmente nos fins de semana. Um boa pedida é fugir daqueles que são conhecido por serem lotados e, com isso, evitar problemas de demora no atendimento, por exemplo. Gosto muito de ir no Café da Manhã da Priscila por que os preços são muito bons e a qualidade é excelente. Esse, em especial, vive cheio de gente, mas o atendimento é rápido e também eles estão vários endereços: tem na Av. do Turismo, em Iranduba (indo pela Ponte Rio Negro), em Presidente Figueiredo e também no Parque das Laranjeiras, próximo a Universidade Nilton Lins. Lá é possível saborear muitos quitutes, como o X-Caboquinho (pão, queijo coalho, tucumã e banana frita), Pupunha, suco de frutas (como Cupuaçu) e famosas Tapiocas recheadas com combinações deliciosas são algumas das comidinhas típicas que você precisa experimentar no café da manhã. 😀

2) Faça passeios de barco para conhecer as maravilhas da nossa terra

O que fazer em Manaus

Eu sou simplesmente fascina por passeios de barco! Sempre que posso, faço passeios para conhecer lugares novos que nunca fui. Fiz um post um tempo atrás falando sobre os passeios de barco e indiquei uma empresa, a Amazon Ventura. Ela oferece pacotes incríveis para conhecer ao máximos a belezas da região, as mais famosas são: Encontro das Águas, Interação com o Botos, Cachoeiras de Presidente Figueiredo, Praia do Tupé, Ruínas de Paricatuba, Lago January e muitos outros. Para quem quiser o contato:

Amazonventura Turismo e Eventos Ltda – Fones: (92) 3088-3939 | 3307-0370 | 99480-6446 (whatsapp) | 98273-8556 | Email: agencia@amazonventura.com.br | Site: www.amazonventura.com.br |

Ms se vocês preferirem, muitas outras empresas oferecem esses e outros passeios, combinados com almoço também. As lanchas e barcos saem do Porto, no centro da cidade, lá é possível ter acesso a muitas empresas.

PS: Acreditam que ainda não fui ao Encontro das Águas?! Sim, pasmem! 😛 Mas pretendo ir em breve e será um dos Vlogs mais lindos que eu vou fazer. Aguardem! Já estou com o passeio programado! 😀

3) Conheça o famoso Teatro Amazonas e outros pontos turísticos

Teatro Amazonas

Nossa terra tem muitos pontos turísticos. Um dos mais famosos é certamente o Teatro Amazonas. Óh arquitetura linda! O teatro, inaugurado em 1896, é a expressão mais significativa da riqueza de Manaus durante o Ciclo da Borracha. É uma beleza fazer a visita. Vale a pena! Os horários são de segunda a sábado, das 9h às 17h. O endereço é na Av. Eduardo Ribeiro, 659, Centro. E os telefones são (92) 3622-1880 / 3622-2420. Os preços infelizmente não sei informar, mas vejo isso logo e faço o update aqui. 😀

Os Pontos Turísticos mais famosos que valem a visita são: Teatro Amazonas, Praia da Ponta Negra, Mercado Adolpho Lisboa, Museu do Seringal, Museu da Amazonia, Bosque da Ciência, Zoo do Cigs, Ponte Rio Negro, Jardim Botânico Adolpho Ducke e a Arena da Amazonia, uma das mais bonitas do Brasil.

4) Coma Tambaqui assado na brasa

O que fazer em Manaus

Tambaqui é um peixe de escamas delicioso e muito famoso aqui da região e também é o grande responsável por me fazer me apaixonar por peixes. Nossa, como esse peixe é bom!! Eu particularmente sou apaixonada por ele assado na brasa, mas também temos outras versões tão boas quanto. Na cidade existem muitas peixarias muito boas, Tambaqui de Banda Mongaba Peixaria são algumas das quais eu adoro. No Restaurante Banzeiro também é outro lugar muito bom. São pratos mais ~chiques~ com a pegada regional. Uma delícia! Recomendo de olhos fechados. No Manauara Shopping, tem o Caboquinho, que também tem o mesmo estilo do Banzeiro. Os preços são acessíveis e o sabor é irresistível.

5) Relaxe nas praias da região: Japonês, Açutuba e Tupé

Praias de Manaus. Praia do Tupé

Aqui a gente não tem mar, não tem praia de água salgada, mas temos o Rio Negro. Um rio de águas bem escuras e em alguns pontos, temos praias lindas, com areia branquinha e rodeado de natureza. São ótimos lugares para curtir o fim de semana, para de divertir com a família e amigos. Tenho certeza que vão adorar! 😀

As praias que mais gosto daqui são as citadas no título: Praia do Japonês, Praia de Açutuba e Praia do Tupé. Existem algumas outras além dessas que eu ainda não conheço, mas quando for conhecer, prometo atualizar esse post. 🙂

O que acharam do post? Eu adoro falar sobre minha cidade e meu estado. Espero que possa ajuda vocês de alguma maneira.

Beijos!

OBS: Nenhuma das empresas citadas nesse post me forneceram pagamento ou permuta para eu incluí-las aqui. Citei-as nesse post porque realmente gosto dos serviços oferecidos e porque acho que são empresas que tem um bom custo-benefício.

~ ♥ Se você gostou desse post, deixe um comentário! ♥ ~

Você também pode gostar...

Conhecendo a Amazônia ~ Dicas ~ Viagens

Conhecendo a Amazônia #5: Praia do Atalaia e Salinas

24 de dezembro de 2014

Oi, gente!

Em abril desse ano, estive em Belém visitando meu avô e fui rapidamente a Salinas tomar banho de mar, junto com meu noivo e minha prima Jessica. Infelizmente esse dia eu não estava inspirada para fotos, por isso, não temos muitas por aqui, mas vou passar as informações para quem quer conhecer mais sobre a praia e cidade.

Conheça a Amaônia. O que fazer em Manaus? Fim de semana em Manaus. Nadar com os botos. Praia do Tupé. Ruinas de Paricatuba. Lancha no Rio Negro. Conheça tudo sobre Manaus. O que fazer em Manaus? Onde ir em Manaus? Blog Kátia Glaísa. Blog de Moda em Manaus. Conheça! :) dividor_animado_blog

A Praia do Atalaia está localizada no município de Salinópolis, ou Salinas (como carinhosamente é chamada), no estado do Pará (o mais lindo! hehe).

Como chegar em Salinas e na Praia do Atalaia

Na capital paraense, no que mais se fala é nas férias de julho e no ‘Sal’, se referindo a Salinas e as praias salgadíssimas de lá. Nesse mês, em especial, o município, localizado a 220km de Belém, fica lotado de gente. Para chegar até lá, é possível ir de carro e de ônibus que sai da rodoviária, no bairro de São Brás. As estradas que ligam Belém a Salinas são a BR-316 e a PA-124. Ao chegar em Salinas, uma grande e bonita rotatória se apresenta. Placas de sinalização indicam para continuar e ir para o centro da cidade ou para ir a praia.

A praia mais famosa da cidade é a de Atalaia, e fica a mais ou menos 9km da rotatória. É a praia mais conhecida e mais visitada. Possui uma característica bem peculiar e se difere de outras praias do Brasil pois os carros de passeio podem ficar na areia, bem próximos as águas mesmo. Inclusive de vez em quando tem carro atolado e engolido pelo mar.

Chegamos em Salinas e fomos mostrar um pouco da cidade para meu noivo que nunca tinha ido lá. Infelizmente não tiramos fotos. Fomos conhecer rapidamente a cidade pelas ruas principais, contornamos algumas praias e finalmente chegamos na Orla do Maçarico, um local muito bacana para ir a noite, nas épocas de alta temporada. Depois que ele conheceu “toda a cidade”, fomos para Atalaia.

Chegamos a praia por volta de umas 9h30 da manhã, a maré ainda estava muito alta, bem próxima dos restaurantes… que, a propósito, tem muitos por lá. Praia do Atalaia, Salinas

Assim como a maré sobe rápido, ela desce. Então por volta da hora do almoço, as mesas que “enfeitam a praia” já estavam sendo montadas e nós fomos para lá. O sol tava daquele jeito, então não saí debaixo do guarda-sol. 😀 Para curtir a praia, pedimos uns petiscos… mas se quiséssemos camarão, era o que mais tinha por lá.

Salinas_Praia_do_Atalaia

Como vocês podem ver, a praia não está muito deserta, mesmo em baixa temporada. Fomos em abril, no feriado do dia do trabalhador, talvez seja por isso que tenha um movimento maior nesse dia. Em 2009, eu e um grupo de amigos fomos a Salinas em abril também, mas não era feriado. A cidade estava morta e tudo muito deserto… as praias principalmente. Eu não gosto muito porque além de “chato”, fica um pouco perigoso andar por lá. Nessa viagem, ficamos hospedados na praia e não na cidade, o que ainda dificultava mais a nossa situação, porque realmente não tinha ninguém. O hotel que ficamos em 2009 chama-se Concha do Mar e ele é ótimo. Fica em frente a praia do Atalaia.

Jessica

Picolé de Açaí da Cairu, o melhor do mundo.

Picolé de Açaí da Cairu, o melhor do mundo. <3

Em Atalaia tem um lugarzinho especial chamado Lagoa da Coca-Cola. Entre grandes dunas (ufa! cansa só de pensar em subir), tem uma água bem gelada, escura e doce (tipo a água no rio negro, mas beeem geladinha). Tentamos ir lá dessa vez, mas não fomos porque estava bem deserto e policiais avisaram que estava tendo assalto por ali e decidimos não arriscar, por isso meu noivo não pode conhecer, mas eu e Jess já somos entendidas daquela água boa hehehe. Peguei uma foto na internet para mostrar como é legal ir lá.

Salinas_Lagoa_CocaCola

Depois que saímos ali da área do morro, fomos a Praia do Farol Velho que fica ao lado de Atalaia. Não tinha ninguém. E lá não é nada parecido com Atalaia, ao invés de restaurante suspensos como palafitas, tinham muitas casas lindas e rycas. Na praia tinham alguns pescadores e na área alguns bebês de águas-vivas mortos. Ficamos rapidamente lá só para olhar e tirar algumas fotos.

Praia-Farol-Velho_Salinas

No fim da tarde, depois de saímos da Praia do Farol Velho, fomos embora para não pegar a estrada a noite. Porque é bem perigosa (tem muitas carretas andando a 3mil km por hora heheh), embora tenha muita fiscalização eletrônica. Chegamos a Belém e pegamos muito transito na BR. Umas 20h conseguimos chegar em casa. Esse transito na estrada é bem comum na volta de feriados e fins de semana.

Qual a melhor época para visitar Salinas e Praias?

Já fui em todas épocas do ano. Férias de Julho, de Dezembro, em feriados e dias normais. Posso garantir que, para diversão completa, a melhor época e Julho e Dezembro. A cidade está cheia e todos os lugares funcionam. Restaurantes, festas e praias animadíssimas! 😉

Espero que tenha gostado das dicas e que possam conhecer esse lugar lindo e salgado lá no meu Pará que tanto amo. Para quem quiser conhecer mais por meio de fotos, sugiro clicar nesse link e conferir.

Beijos!

~ ♥ Se você gostou desse post, deixe um comentário! ♥ ~

Você também pode gostar...